+55 (51) 3533-1270
contato@sbdc.com.br

Identifique suas fraquezas e crie estratégias para superá-las

Quais são os seus pontos fracos? Você é capaz de identificar os que realmente afetam seu desempenho profissional ou do seu negócio? Todas as fraquezas valem o investimento de tempo e esforço para o aprimoramento? Assim como conhecer e investir nos pontos fortes, a identificação das fraquezas e aspectos que demandam melhorias é fundamental para o desenvolvimento, mas o objetivo não deve ser transformar todos pontos fracos em forças.

Marcus Buckingham e Donald Clifton, autores do livro Descubra seus pontos fortes, lembram que evitar as forças e se concentrar nas fraquezas não é sinal de humildade, mas quase uma irresponsabilidade. Dessa forma, a principal dica é: conheça suas fraquezas, mas não tente ser bom em tudo, pois o risco, pelo contrário, é que se tenha um desempenho mediano em todas as áreas e seu diferencial fique indefinido. Alguns pontos considerados fracos podem ter origem em um fato isolado ou um fracasso que criou uma barreira, impedindo a superação. Seu objetivo nessa etapa deve ser identificar os aspectos que realmente estão impedindo o crescimento e criar estratégias para contorná-los.

A trajetória de autoconhecimento, que falamos no artigo anterior, quando você buscou identificar seus talentos dominantes, também será fundamental nessa etapa, que será de compreensão do seu perfil profissional e do ambiente onde deseja atuar. Indicamos que você desenvolva sua ANÁLISE SWOT, um dos métodos mais utilizados no mundo no planejamento estratégico de negócios de todos os tamanhos. A matriz, também conhecida como FOFA, é organizada em Forças e Fraquezas, que fazem parte de uma análise interna, e Oportunidades e Ameaças, relacionados à observação externa, do ambiente, mercado, concorrência.

Monte sua Matriz SWOT

Tire um tempo para refletir sobre as Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças, não se limite a listar fatores, mas busque um entendimento aprofundado sobre as causas dos problemas, consequências, possibilidades de desenvolvimento, oportunidades e tendências. Nos eixos externos, por exemplo, observe que ameaças podem se transformar em oportunidades. Faça aqui o download da ferramenta.

Olhando para seu negócio questione:

  • Quem são meus concorrentes e quais seus diferenciais?
  • Que empresas do ramo estão em expansão?
  • Que estratégias irão me aproximar dos clientes?
  • Quais são as tendências do mercado?
  • Qual o posicionamento do meu negócio em relação a inovação?
  • Que feedbacks tenho recebido sobre a satisfação dos clientes?
  • Como tem sido o engajamento dos meus colaboradores?
  • O que impede minha empresa de ser líder no segmento? O que o líder está fazendo?
  • No que realmente meu negócio agrega valor?
  • Como funciona o processo de compra do meu cliente?

 

Sobre seu perfil profissional e empreendedor, responda a perguntas como:

  • O que pode me impedir de chegar onde quero?
  • Que profissionais estão habilitados a assumir a posição que eu desejo?
  • Em que posição em me encontro em relação a eles?
  • Quais as possibilidades de crescimento na minha área ou dentro da empresa?
  • Como posso desenvolver minhas competências?
  • Como eu mediria minha capacidade de adaptação?
  • Onde encontro meios de aprimoramento?
  • Como está o mercado na minha área?
  • Onde estão as maiores oportunidades?
  • Qual é o meu diferencial?
  • O que pode me impedir de alcançar meus objetivos?

 

Uma sugestão é começar pelas oportunidades e ameaças, o que trará nitidez sobre as forças e fraquezas. A partir das respostas, defina quais são suas prioridades e estabeleça objetivos claros e viáveis para promover a diminuição das ameaças, fortalecimento das fraquezas, possibilidades de aproveitar as oportunidades e usar as forças para atingir os objetivos e metas. Se o seu ponto fraco profissionalmente é a comunicação em público, por exemplo, estabeleça como meta a realização de um curso de oratória. Se falta engajamento dos colaboradores no seu negócio, tenha como objetivo promover encontros para gerar integração, ouvir sugestões e anseios da equipe.

Você também pode ter o apoio de profissionais especializados no desenvolvimento do negócio. Conheça o processo de Mentoring Plano A, desenvolvido pela SBDC, que oferece ao mentorado a possibilidade de apresentar e lapidar seu projeto, desde suas concepções básicas, prototipar sua ideia, passar por etapas de validação do projeto, receber conselhos de especialistas, construir uma estratégia recorrente de vendas e planejar ações que o ajudem a construir autoridade em seu mercado e nicho de atuação.

Continue acompanhando nossa série, toda semana teremos uma dica nova! O próximo passo é a análise do ambiente externo, como conhecer o mercado e pesquisar tendências. 

Clique aqui e inscreva-se para receber os próximos artigos desta série em seu e-mail.

Por Cássia Marques

Deixe seu comentário